Tão importante quanto seu produto são os meios pelos quais se apresenta

Em busca de melhores resultado e espaço diante de um mercado que cada vez mais eu reforço ser acirrado e competitivo, marcas buscam estratégias diferentes a fim de conquistar mais clientes. Diante disso, uma das estratégias mais importantes é a forma e os canais de como a sua marca se comunicam. Aonde chegar? Quem conquistar? De que forma se apresentar? Não adianta ter diferenciais, garantia estendida, qualidade, valores agregados se a sua marca não sabe quais canais são ideais para alcançar seu público-alvo.

megafone

Deve haver uma sintonia de propostas, uma relação próxima entre marcas,  agências de publicidade e comunicação a fim de compreender onde querem chegar, quais mercados e públicos conquistar e o principal: de que forma vamos nos comunicar e quais canais de comunicação são mais adequados. A relação de comunicação deve ser objetiva e direta: a marca deve investir e se apresentar nos canais certos, para clientes certos em momentos certos.  Para tudo isso os valores ideais e fundamentais na hora de se comunicar são:

  • Criatividade;
  • Eficiência;
  • Eficácia;
  • Objetividade;
  • Leveza e clareza nas informações;
  • Coerência nas cores.

Ainda é muito comum identificamos grandes marcas investindo altos valores em diversos canais que muitas vezes não alcançam seu público-alvo. A estratégia de se comunicar em todos os canais sem filtro muitas vezes só desgasta a imagem da marca, gerando efeito contrário a sua proposta. A proposta da marca deve estar alinhada com o que ela realmente quer na prática. Diante disse temos um case de sucesso encontrado na cidade do Rio de Janeiro através da empresa de mídia Modal Mídia+Sign.

modal

O trabalho deles é  focado em mídia out of home,  detém a concessão dos espaços publicitários de quatro importantes terminais rodoviários  do Rio. Juntos, eles recebem 85 milhões de passageiros por ano. Ele já instalou os equipamentos e iniciou a prospecção de  anunciantes, após uma pesquisa que realizou para obter o perfil e os hábitos de consumo dos usuários.  A partir da pesquisa, criou uma nova forma de comercialização,  um modelo que incentiva a interatividade com público, por meio de investimentos em serviços gratuitos.

Empresa de mídia out of home  cria novas formas de interação com o público  em terminais rodoviários no Rio.

A Modal Mídia+Sign está criando uma nova forma de atuar no segmento de mídia out of home. Detentora da concessão para explorar a publicidade nos terminais rodoviários gerenciados pela Rio Terminais (Menezes Côrtes, Américo Fontenelle, Nilópolis e Nova Iguaçu), a empresa investiu em novos serviços para o público, que além de oferecerem mais conforto e comodidade, poderão servir como ferramentas para proporcionar interatividade dos usuários com as marcas anunciantes.  Assentos publicitários, carregadores de celular, paineis estáticos, Tv’s de LCD e telões de LED digital P4  (última geração), já foram instalados em três terminais e, até o fim de janeiro, serão implantados no terminal de  Nova Iguaçu, que está em fase final de obras de infraestrutura. Abaixo podemos conferir o trabalho de comunicação interessante, importante e o principal: sem prejudicar ou comprometer a comunicação visual ambiente público:

1

Juntos, os quatro terminais recebem 85 milhões de passageiros por ano, que geram dois milhões de partidas e chegadas em 130 linhas de ônibus,   ligando o Centro da Cidade do Rio de Janeiro à Baixada Fluminense e à Região Metropolitana. Os terminais receberão, ao todo, 150 novas propriedades em mídia, sendo cerca de 60 no de Nova Iguaçu,  50 no Américo Fontenelle, 30 em Nilópolis e  30 no Menezes Côrtes.

4

“A Modal Mídia+Sign foi além da instalação de equipamentos de mídia.  Pensamos em criar uma nova forma de publicidade out of home, na qual a interatividade  com o público é um importante componente.

2

Oferecer mais conforto e comodidade aos usuários dos espaços, com serviços agregados (assentos, carregadores de celulares), além de equipamentos de última geração (Tvs de LCD, LEDs P4) e a possibilidade de novas experiências, como degustação de produtos e eventos, é uma forma de  criar uma relação de proximidade das marcas anunciantes com esse nicho de mercado”, analisa  Marcus Machado, dono da empresa.

Pesquisa revela perfil dos usuários

Antes de iniciar a instalação dos equipamentos e serviços gratuitos, a Modal realizou ampla pesquisa com os passageiros, na qual foram ouvidas 800 pessoas, 200 em cada terminal.  Dentre os resultados, constatou-se que a maior parte dos usuários (53,25%)  são mulheres.  A faixa etária predominante é de 31 a 50 anos.  A pesquisa apontou que o público que frequenta os terminais gostaria de assistir, nas mídias disponíveis (TVs de LED,  telões, front e backlights) preferencialmente, a noticiários, resposta de 32% dos entrevistados.  Anúncios promocionais de supermercados e informações sobre trânsito aparecem, respectivamente, em segundo e terceiros lugares na preferência dos frequentadores desses espaços, com 22% e 16% .  Outros serviços de interesse dos usuários foram citados, como informações sobre convênios de saúde, medicina e bem-estar, anúncios de cursos em geral, escolas e universidades,   aparelhos celulares, produtos de beleza,  restaurantes e lanchonetes,  lojas de roupas e acessórios, auxílio funeral,  informações sobre horários dos ônibus, clipes musicais e oferta de  empregos e de shows, além de dicas de beleza.

Equipamentos sustentáveis

Desde o início das operações da Modal Mídia+Sign, os equipamentos instalados pela empresa seguem  um modelo  de produção sustentável, em virtude da preocupação do empresário Marcus Machado, dono da empresa, com o meio ambiente.

Os painéis estáticos backlights utilizados pela empresa são ecologicamente corretos. O tipo de  iluminação que se usava anteriormente, além de luminescência irregular e de não dar o destaque e apelo visual que a publicidade precisa, não era produzido com  práticas  implementadas nas principais cidades da Ásia e Europa, no que diz respeito  ao uso correto e ecológico da tecnologia.

“A Modal  utiliza  lâmpadas de LED de última geração, que não emitem raios UV, como as antigas lâmpadas, têm consumo aproximadamente 70% menor que os anteriores e vida útil de 50 mil horas, mais de seis vezes maior do que as convencionais. Além disso, seu sistema já está preparado para receber alimentação fotovoltaica ou células solares, caso optemos, no futuro, pela utilização de energia solar. Essa tecnologia garante uma iluminação homogênea, que oferece mais destaque para os conteúdos publicitários, mantendo uma performance diferenciada e com a preocupação de ser sustentável. Esse é o modelo que adotamos desde o início das operações”, explica Marcus.

Histórico da Modal Mídia+Sign

Da produção à comercialização, uma história de sucesso em mídia out of home.

Administrador, empreendedor e empresário por vocação, não necessariamente nesta ordem. É assim que se define Marcus Machado, dono da Modal Mídia Sign, que iniciou sua  carreira  no início dos anos 90, na companhia aérea Varig. “Uma grande escola para entender como funcionava uma corporação gigantesca, onde percorri diferentes caminhos que me trouxeram  conhecimento, aprendizado, networking e destaque profissional”, lembra.

Marcus passou  pelos departamentos de Carga, Logística, Compras, Marketing, Produtos e por fim de mídia, publicidade e comunicação visual. Foram quase 13 anos de experiências,   conquistas, reuniões por todos os continentes do globo, fazendo parte da Star Alliance.

Em 2002, quando teve início um processo irreversível de queda da maior empresa aérea do País, já atuando de forma pioneira na contratação de empresas de comunicação visual para fazer a produção da mídia nos espaços disponíveis nas aeronaves, salas vip, check-ins dos aeroportos e outros, Marcus entendeu que era hora de encerrar um ciclo e se reinventar  no mundo da produção gráfica digital.

Depois de passagens por grandes empresas do ramo, atuando com principal executivo comercial, em 2009, decidiu empreender.  Utilizando o conhecimento adquirido ao longo dos anos, criou a M2FLEX. Em pouco tempo, a empresa se tornou uma das principais do segmento, com um parque gráfico moderno, atendimento personalizado, equipes orientadas para o atendimento corporativo e com foco na  qualidade dos produtos.  Essa história vitoriosa permitiu  ao empresário conhecer os principais “players de mídia”, exibidores, veículos, agências e clientes.

Nessa jornada, com o espírito empreendedor sempre alerta, sentiu necessidade de buscar novas tecnologias para viabilizar projetos de mídia para esses grandes exibidores. E foi assim, entre viagens Brasil-China, fábricas e negociações, que a M2FLEX se tornou  referência em tecnologia de paineis de led estáticos difusores e angulares de última geração, uma das maiores empresas importadoras desta tecnologia. As maiores empresas exibidoras de mídia out of home (OOH), Shoppings Centers e outros players perceberam esse diferencial e transformaram seus ativos trazendo um  viés tecnológico para o cenário brasileiro.

Em 2016,   Marcus percebeu que não bastava apenas ser o melhor operador dos players de mídia, era preciso ir além,  se tornar um deles, e mais uma vez o empreendedorismo, a vontade de fazer algo novo, o fez avançar. Nascia a Modal Mídia Sign. “Tinha  certeza de que  poderia  me  tornar um bom player neste mercado, pois reunia as qualidades técnicas,  tinha o expertise comercial,  a tecnologia de ponta e uma operação forte”, explica. O empresário começou  o negócio em conjunto com a empresa de Alexandre Medeiros, seu parceiro nesta primeira empreitada, e nome respeitado no mercado, comercializando as novas propriedades da CCR Barcas. Marcus atuou como o investidor de todas as propriedades instaladas e manteve a operação funcionando.  Faltava a Marcus o desafio da comercialização, de estruturar um modelo onde pudesse atuar com escala, capilaridade e maior cobertura, criando um negócio onde anunciantes e marcas pudessem não só exibir suas campanhas, mas atuar como uma proposta de experiência única na relação com o público usuário. Essa proposta inclui experimentações, conveniência e mudança na percepção da relação com o público, por  meio de propriedades que, aliadas à tecnologia, também gerem conforto e comodidade.

Com este propósito, a Modal Mídia+Sign celebrou, em 2017, a conquista de um novo e importante contrato de concessão, participando do processo de revitalização do Rio Terminais, que reúne  quatro importantes terminais rodoviários intermunicipais da Cidade do Rio de Janeiro, principal alimentador dos demais modais como trens e metrô, e que tem o objetivo de oferecer experiências que vão além da publicidade tradicional. O projeto consiste em instalar centenas de ativos tais como assentos publicitários, carregadores de celular, telas de LCD, painéis de LED estáticos, realizar ações de merchandising e ativações e telões digitais em LED Full Color P4, tecnologia de ponta no mercado. No vídeo abaixo podemos identificar a interessante estratégia de comunicação proposta pela empresa:

“Por meio deste novo contrato de concessão da publicidade nos terminais,  num grande investimento próprio na concretização de valores que vão além da instalação de um cartaz publicitário, a Modal Mídia pretende  impactar a vida de milhares de pessoas por mês, criando uma relação de proximidade das marcas anunciantes com esse nicho de mercado, trabalhando circuitos diferenciados e  criando  alternativas de comercialização para um mercado de mídia OOH  com forte influência no dia a dia das pessoas”, explica Marcus.

A Modal Mídia já nasce com forte presença no mercado de mobilidade urbana, que se soma ao negócio das Barcas e estabelece uma marca que ultrapassará o número de 100 milhões de pessoas impactadas por ano. Além disso, para o primeiro trimestre de 2018, trará novidades em novas estratégias de segmentação se tornando uma mídia multiplataforma, atuando em diferentes segmentos, criando a um portfólio de negócios dinâmico, diferenciado e impactante.

“Esse é o posicionamento que pretendemos atingir e trabalharemos muito para sermos reconhecidos como tal. Somos uma empresa 100% nacional, com recursos próprios”, comenta o empresário.

O dono da Modal Mídia gosta de repetir duas frases de Jorge Paulo Lemann, o homem mais rico do Brasil. Elas resumem o modo como encara os desafios do mundo empresarial: “Não adianta pensar fora da caixa e guardar as ideias dentro delas” e “Se sonhar grande dá o mesmo trabalho que sonhar pequeno, por que vou sonhar pequeno?”

Se depender de disposição e otimismo, o céu é o limite para as ideias e sonhos de Marcus Machado.

rubrica1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s